CONHEÇA MAIS SOBRE JURASSIC WORLD

Por Tifanny Valente

jurassic-world-17

“Jurassic World”, quarto filme da franquia “Jurassic Park”, já está em cartaz nos cinemas e eu já assisti! Para os fãs do fantástico diretor Steven Spielberg, esse longa veio para conquistar, mexer com sua nostalgia e surpreender. Eu, particularmente, adorei, fiquei em êxtase e vibrei muito.

A trama trás um novo parque de Dinossauros, bem mais moderno do que o dos outros filmes. Ambos são centrados em uma ilha, a Isla Nublar. Tudo começou, no longa de 1993, com o bilionário diretor executivo da InGen, John Hammond (Richard Attenborough), que junto com sua pequena equipe de geneticistas, conseguem criar um parque temático, onde diversas espécies de dinossauros recriados por uma engenharia genética, são as principais atrações.

Jurassic Park

jurassic-posters

O primeiro filme, “Jurassic Park: O Parque dos Dinossauros” (1993) foi baseado no livro de mesmo nome, escrito pelo norte-americano Michael Crichton, publicado em 1990. A história explora “A Teoria do Caos”, citada logo no início do primeiro longa. A obra literária ganhou um segundo volume, em 1995, “O Mundo Perdido: Jurassic Park”, que também teve uma adaptação para os cinemas, em 1997. O terceiro longa, “Jurassic Park III”, aproveitou alguns elementos dos dois livros que não foram explorados na outras adaptação cinematográficas, e foi lançado em 2001.

Apesar de o título trazer como referência o período Jurássico, o que nem todo mundo sabe é que os dinossauros que aparecem no filme não são dessa época. Na verdade, esses animais pertenciam ao Cretáceo, que é um período da era Mesozoica, que sucede o período Jurássico. Inclusive, se você assitir de novo o primeiro longa prestando mais atenção aos detalhes, vai ver o Dr. Grant explicando a um garoto sobre a ferocidade do Velociraptor, e no meio desse diálogo ele fala: “Tente se imaginar no período Cretáceo.”.

As espécies de dinossauros encontradas nos filmes são o Tiranossauro Rex, o Velociraptor, o Dilofossauro, o Braquiossauro, o Tricerátops, o Galimimo, o Parassaurolofo, o Proceratossauro, o Estegossauro e o Metricantossauro. Entre eles, o principal antagonista do longa é o Tiranossauro, seguido pelo Velociraptor.

“Jurassic Park” conquistou três estatuetas do Oscar; A de Melhor Som, a de Melhor Edição de Som, e a de Melhores Efeitos Especiais (Industrial Light & Magic e Stan Winston Studio foram os responsáveis por esses efeitos).

Jurassic Park VS Jurassic World

jurassic-world.png-2

O visual do quarto filme está belíssimo! Como eu já disse, o longa está super moderno, e retrata alguns traços dos parques da própria Disney, como a atração do Sea World (das baleias Shamu). O mais legal é que esse novo filme trás várias referências ao primeiro longa, ou seja, está cheio de easter eggs.

jurassic-world-01

A começar pela estátua que fica no meio do centro de informação do parque, que é nada mais, nada menos, que de John Hammond (Richard Attenborough), o idealizados do projeto do primeiro parque dos dinossauros. E quem não se lembra do Mr. DNA, a simpática animação que explicava a complexidade da origem do Parque dos Dinossauros? É, tem uma aparição dele, meio que rápida, em um dos painéis do Museu de “Jurassic World”.

jurassic-world-02

Hoje, a teoria que diz que os dinossauros foram uma versão primitiva de pássaros atuais, já é bastante aceita. Essa teoria é citada no primeiro filme, e no “Jurassic World” já aparece o “Dino pássaro”. E até há uma cena em que Masrani e o Dr. Wu explicam sobre a falta de penas nesses animais. Eles contam que há um trabalho de marketing em relação a aparência dos dinossauros, ou seja, já que o pessoal prefere ver um réptil gigante, é isso o que eles vão ver.

jurassic-world-03

Também temos os esqueletos do Espinossauro – meio que foi o vilão do terceiro filme. Sem falar das cenas clássicas do closer do olho do Indominus Rex, em que ele aparece entre as folhas. Ah! E as referências que tocaram o nosso coração, como a cabra sendo colocada como alimento para o T-Rex, e, claro, os sinalizadores.

jurassic-world-04

O monotrilho está super futurista! Claro, sentimos faltas daqueles carrinhos coloridos que andavam sobre os trilhos no primeiro filme, mas essa novidade está bem “uau”. E o mais legal é que temos a participação especial do veterano da Pixar, Brad Bird,  e é ele quem faz o pronunciamento do monotrilho. E o apresentador americano, Jimmy Fallon, também aparece, nas esferas de vidro, durante o passeio. Outra coisa legal é que o produtor de efeito especiais dos outros três filmes, Stan Winston, que morreu em 2008, ganha uma homenagem nesse novo longa: Seu nome está em um dos restaurantes do parque, o “Winston’s Steak House”.

jurassic-world-15

Uma das cenas que achei interessante foi uma logo quando os dois garotos estão no aeroporto se despedindo dos pais para irem viajar para  o parque, e a mãe deles fala: “Se você ver algo, corra”. Nessa hora conseguimos ouvir aquele barulho do velociraptor no fundo. Essa cena apareceu no trailer e ficou meio sem sentido, mas quando a assistimos no filme, entendemos a referência desse momento.

jurassic-world-10

É claro que não poderia faltar uma referência a Teoria do Caos! Parte fundamental do livro e cena clássica do primeiro filme, onde o Dr. Ian Malcolm explica essa teoria. Em “Jurassic World”, tem uma cena em que o sangue do dinossauro vilão pinga no braço de um dos soldados, e as duas gotas seguem caminhos diferentes.

jurassic-world-16

E quem não se lembra da cena do primeiro filme em que aquele gordo trapaceiro termina sendo morto por um Dilophosaurus? Bem, essa espécie aparece em “Jurassic World” somente em um holograma, mas que tem uma importante utilidade em uma das cenas no novo longa (é usado por Owen para distrair um velociraptor).

jurassic-world-11

A parte para se abraçar total com a nostalgia dos outros filmes, é quando dois garotos que são irmãos acabam encontrando o antigo saguão do primeiro Parque. Gente, é muito amor! Têm os carros antigos, aquele óculos noturno de “Jurassic Park”, usado pelo neto de John Hammond, a faixa de “When Dinossaurs Rules The Earth”, e muito mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s